Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

planetamarcia

planetamarcia

Fevereiro 10, 2011

Leitores escolhem livro de Alberto Torres Blandina

 

Coisas que Nunca Aconteceriam em Tóquio, de Alberto Torres Blandina, é o vencedor do Prémio Europeu da Mediateca de Bussy Saint-George. Um prémio recente que permite aos leitores participarem activamente na escolha do seu romance europeu preferido, entre seis obras seleccionadas. Este ano, A Viagem do Elefante, de José Saramago era também finalista.
A Quetzal lançou recentemente este romance no mercado. E o autor, Alberto Torres Blandina, participará no XII Encontro Correntes D’Escritas, a convite da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, onde se fará a apresentação do livro.

Sinopse

Salvador Fuensanta é empregado de limpeza de um aeroporto e está às portas da reforma. Este lugar tão impessoal – onde trabalha há mais de vinte anos –  e os milhares de pessoas desconhecidas que diariamente cruzam o seu posto vão desenvolver nele uma capacidade especial – a de modelar a realidade, recriando histórias e julgando adivinhar as vidas dos passageiros anónimos. Além disso, Fuensanta conhece muito bem as outras pessoas que trabalham no aeroporto: Sara, a empregada da cafeteria; Joana, que trabalha no quiosque; Pau, um artista inconformado que inventa um poeta finlandês para se tornar famoso e se apaixona por uma rapariga que sofre de amnésia em consequência de uma acidente aéreo.

Assim, este mundo cheio de conversas e histórias soltas, inacabadas, reais, inventadas, que se mesclam a um ritmo alucinante, vai-se transformando num relato de contornos invulgares, em que cada história oculta ou revela uma outra história. Tradução de Francisco Guedes.

O Autor

Alberto Torres Blandina nasceu em Valencia, em 1976. É ficcionista, professor de literatura, dramaturgo e vocalista do grupo Niñamala. Os seus dois primeiros romances foram finalistas de vários prémios literários, e Coisas Que Nunca Aconteceriam em Tóquio, traduzido agora para português, foi galardoado em 2007 com o prémio de romance  Las Dos Orillas.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.