Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

planetamarcia

planetamarcia

Julho 15, 2009

Novidade Quinta Essência - Romance na Toscana - Elizabeth Adler

 

Sinta a magia do Verão na Toscana neste fantástico romance

 

Gemma Jericho é uma médica nova-iorquina a braços com uma filha adolescente que não lhe dá um minuto de descanso e uma mãe que se preocupa com o facto de ela não ter vida própria. Por isso, quando a mãe, Nonna, recebe uma carta informando-a de que recebeu uma misteriosa herança na Toscana, Gemma, a donzela de gelo, arrisca: as três deixam para trás as precauções e partem para Itália em busca de um sonho e de uma nova vida.
Mas o que encontram no paraíso da Toscana não é exactamente o que haviam sonhado. Afinal, a herança de Nonna, uma bela villa a necessitar de obras, pode pertencer a um americano, Ben Raphael.
Entre Gemma e Ben surge de imediato uma forte atracção, mas a relação amorosa é abalada pela intensa disputa imobiliária.
Será o amor de ambos suficientemente forte para resistir a todas as provações? Ou prevalecerá a força dos laços que ligam Gemma, Nonna e Livvie?
Romance na Toscana é uma história de amor arrebatadora, marcada pela beleza daquela região italiana, onde, afinal, todos os sonhos são possíveis.

Autora
Elizabeth Adler é britânica. Autora de mais de vinte romances, é reconhecida internacionalmente pelas suas histórias envolventes que combinam de forma magistral mistério, amor e destinos de sonho. Os seus livros estão publicados em vinte e cinco países, com mais de quatro milhões de exemplares vendidos em todo o mundo.
A autora adora viajar e visita com frequência a Toscana, um dos seus destinos de eleição. Embora a localidade de Bella Piacere seja ficcional, muitos dos restaurantes, lojas e hotéis mencionados em Romance na Toscana, o seu segundo livro a ser publicado em Portugal, são reais.
Adler e o marido viveram em vários países até que fixaram residência em La Quinta, Califórnia, onde passam dias tranquilos na companhia dos seus dois gatos.
Para saber mais, visite www.elizabethadler.com

 

Julho 15, 2009

Novidade Esfera dos Livros - Os Melhores Contos Espirituias do Oriente - Ramiro Calle

 

«Angustiado, o discípulo foi visitar o seu mentor espiritual e perguntou-lhe com uma voz desanimada:
 - Como me posso libertar, venerado mestre?
O preceptor respondeu:
- Meu amigo, e quem é que te prende senão a tua mente?»
Os mestres espirituais da Índia foram os primeiros a servirem-se da narrativa, para instruir espiritualmente os seus discípulos. A maioria destas narrativas é milenar e anónima e foi sendo transmitida de forma oral, de mestre a discípulo, durante séculos. Em poucas palavras, estes contos partilham conhecimentos fundamentais e profundos que abrem a mente e o coração, e podem ser interpretados consoante a perspicácia e o grau de maturidade mental de quem os escuta. O autor fez mais de setenta viagens à Ásia onde recolheu os melhores contos orientais.

 
Ramiro Calle estudou os efeitos terapêuticos das psicologias orientais e explorou as pontes que existem entre a meditação e a psicanálise, a psicoterapia e a neurologia. Professor da Universidade Autónoma de Madrid, foi o primeiro a promover investigações médicas sobre a terapia yoga em Espanha, em colaboração com especialistas médicos, e a ensinar ioga, relaxamento e técnicas de meditação como forma de prevenir e combater problemas psicossomáticos. Pioneiro do ensino de ioga em Espanha, disciplina que lecciona há mais de 30 anos, é director do centro de Yoga e Orientalismo Shadak, o maior centro de yoga espanhol. É considerado um dos mais importantes escritores orientalistas de Espanha. As suas mais de setenta viagens à Ásia permitiram-lhe entrevistar os mais relevantes especialistas, mestres e orientalistas, experiências que inclui nos seus livros de orientalismo e auto-ajuda, lidos por milhões de leitores em todo o mundo.
 
Colecção: Esoterismo
P.V.P: 22 €
ISBN:978-989-626-021-4
Páginas: 432
Formato: 16 x 23,5 / Brochado
Data de lançamento: Julho

 

 

Julho 15, 2009

Novidade Esfera dos Livros - Kamasutra Moderno Ilustrado - François Hérausse

 

 Este livro é uma ementa para ser lida a sós ou a quatro mãos. Reúne a sapiência tradicional do Kamasutra, jóia da literatura da Índia, adaptado às necessidades, gostos e linguagem dos nossos dias.
Escrito para derrubar inibições e tabus, e completado por ilustrações explícitas, este livro oferece-nos ensinamentos reveladores, uma descrição detalhada das famosas posições sexuais e do prazer que produzem.
Como estimular o ponto G? Como controlar a erecção e a ejaculação? Como vencer as inibições para poder desfrutar de todas as variações da união sexual? Como prolongar o prazer?
Um livro sobre o amor que propicia uma suave iniciação às técnicas do amor e que já se tornou no grande clássico do erotismo do século XXI.

François Hérausse é um reputado sexólogo francês que colabora regularmente com vários órgãos de comunicação social. Nos seus artigos e crónicas em revistas e jornais tem a preocupação de transmitir informações e conselhos práticos sobre o amor e a sexualidade.
 
Colecção: Sexualidade
P.V.P: 16 €
ISBN: 978-989-626-015-X
Páginas: 192
Formato: 15 X 23 / Brochado
Data de lançamento: Julho

 

Julho 15, 2009

Novidade Esfera dos Livros - Massagens Sensuais para Casais - Kenneth Ray Stubbs

 

A massagem converte-se numa arte quando é realizada com sensibilidade e técnicas adequadas. Descubra pormenorizadamente cada recanto do corpo do seu par e todo o prazer de que pode desfrutar com uma massagem plena de sensualidade e erotismo.
Este livro desvenda-lhe os mistérios das massagens sensuais: o movimento de orador, de moinho, os truques de massagem nos seios, na púbis, no ponto G… O acto de tocar irá converter-se numa carícia sensual destinada a atingir o orgasmo e a experimentar todo o prazer que a combinação da ternura e da prática pode proporcionar. Este manual, com mais de cem ilustrações detalhadas e certificado pela investigação de um dos melhores profissionais nesta área, abre novos e fascinantes horizontes tácteis.
Kenneth Ray Stubbs é um dos sexólogos e massagistas mais prestigiados na sua especialidade. O seu trabalho de divulgação como conferencista e os diversos seminários internacionais para casais e terapeutas de todo o mundo conferiu aos seus livros a categoria de obras de culto.
 
Colecção: Sexualidade
P.V.P: 12 €
ISBN: 978-989-626-174-0
Páginas: 120 - Ilustrado
Formato: 16 x 23,5/ Brochado
Data de lançamento: Julho

 

 

Julho 15, 2009

Novidade Esfera dos Livros - Grandes Momentos da História da Humanidade - Stefan Zweig

 

 «São sempre precisos milhões de pessoas para que do seio do povo nasça uma com espírito criador; no mundo têm sempre de ocorrer milhões de momentos de ócio de impacto universal até que um momento fatal aceda à ribalta da Humanidade com densidade verdadeiramente histórica.»

 
Ao longo deste fascinante livro, Stefan Zweig dá-nos a conhecer 14 momentos fundamentais que marcaram a História da Humanidade, resgatando-os do esquecimento. Momentos fatais que, pela sua singularidade e raridade, determinaram o percurso da história. O autor descreve a descoberta do oceano Pacífico; a conquista de Bizâncio; a «ressurreição» de Händel em 1741; a composição da Marselhesa por um génio esquecido; Napoleão e Wellington em Waterloo; a criação da elegia de Mareinbad de Goethe; a descoberta de Eldorado; o indulto de Dostoievski, momentos antes da sua execução; a instalação do cabo telegráfico entre Inglaterra e França; A Fuga Para Deus, uma peça em três actos com Tolstoi; a conquista do Pólo Sul; a viagem de Lenine para a Rússia em 1917.
«Aquilo que de resto sucede sem sobressaltos, sucessiva e paralelamente, comprime-se num único momento determinante e decisivo para tudo: um sim singular, um não singular, um demasiado cedo ou um demasiado tarde torna este momento irrevogável para centenas de gerações, sendo determinante para a vida de um indivíduo, de um povo e até para o destino de toda a Humanidade.»
Stefan Zweig (Áustria 1881 – Brasil 1942) foi poeta, ensaísta, biógrafo e romancista. A sua capacidade narrativa, a perícia e a delicadeza da descrição dos sentimentos, a elegância do seu estilo converteram-no num narrador fascinante, capaz de seduzir desde as primeiras linhas. Entre outras obras publicadas, destacamos Carta de uma Desconhecida, Vinte e quatro horas da vida de uma mulher, Amok, A novela de xadrez. O escritor austríaco de ascendência judaica suicidou-se, na companhia da sua mulher, em Petrópolis, Brasil, onde se refugiou depois de ver a sua terra natal ser ocupada pelos nazis. Tinha deixado de acreditar no futuro da humanidade.
 
Colecção: História Divulgativa
P.V.P: 22 €
ISBN:978-989-626-175-7
Páginas: 296
Formato: 16 X 23,5 / Brochado
Data de lançamento:
Julho

 

Julho 13, 2009

"Espero que algumas pessoas gostem de mangas"

 

Conforme prometido, Mohamed Hanif respondeu às questões dos fãs portugueses.

As respostas agora divulgadas dão a conhecer ao público um pouco mais do autor do livro "O Caso das Mangas Explosivas".

Pessoalmente estou a gostar muito de participar na divulgação deste livro e espero em breve deixar por aqui a minha opinião sobre esta história.

 

1)     Não sabemos muito sobre o seu país. Pode falar-nos um pouco sobre a literatura paquistanesa?

É muito diversa e antiga. Tem histórias e poesias que sobrevivem há mais de cinco mil anos. Na literatura moderna, temos autores a escrever em, pelo menos, sete línguas. Temos poetas que escrevem tão bem como Borges ou Neruda. O romance moderno só teve início aqui há mais ou menos cem anos, mas já temos algumas obras de arte. Mas o Paquistão é normalmente conhecido pela sua música popular.

 

2)     Que autores paquistaneses recomendaria?

A obra de Abdullah Hussain, Weary Generations (traduzido directamente do urdu), é um verdadeiro épico. Afzal Sayed é um grande poeta paquistanês e a sua obra estará traduzida em breve. Saadat Hassan Manto é, provavelmente, o melhor escritor de contos do mundo. Morreu há mais de meio século mas as suas histórias, disponíveis em tradução inglesa, são eternas.

 

3)     Já escreveu argumentos. Considerando o grande sucesso do seu livro, pensa apresentar O Caso das Mangas Explosivas no grande ecrã?

Acho que só alguém com muito dinheiro, capaz de financiar a explosão de aviões verdadeiros, poderia apostar numa coisa do género. Acho, sinceramente, que o livro não é passível de filmagem. Mas acho que daria um bom musical.

 

4)     Reconhece-se na personagem do Ali Shigri?

Quem me dera. A minha vida é um pouco aborrecida. Não sou muito bom com facas, espadas ou aviões. Ele é, então, o oposto de mim.

 

5)     Quais são as suas expectativas quanto à recepção do livro em Portugal?Espero que algumas pessoas gostem de mangas.

 

6)     Porque decidiu regressar ao Paquistão, apesar do bom emprego e da escola do seu filho em Londres?

Porque sentia a falta de Karachi [uma das mais importantes cidades paquistanesas, situada próximo da costa com o mar Arábico, no oceano Índico]. Sentia falta do mar e sentia falta do ar. Já estou em Karachi há dez meses e nunca me arrependi de regressar. Nem o meu filho.

 

Lançamento: 15 de Julho de 2009

Porto Editora

 

Julho 13, 2009

Sessões de lançamento de "Jerusalém", novo romance de Mia Couto

 

Programa de  Lançamentos: (Entrada Livre)

 
13/7 (2ª Feira) – 15.30h - Tavira (Biblioteca Municipal); 18.00h – Loulé (Biblioteca Municipal); 21.30h - Portimão (Biblioteca Municipal)

14/7 (3ª Feira) – 18.00h - Silves (Biblioteca Municipal); 21.30h - Faro (Biblioteca Municipal)

15/7 (4ª Feira) – 18.00h - Coimbra (Oficina Municipal de Teatro-Rua Pedro Nunes - Quinta da Nora); 21.30h - Viseu (Assembleia Municipal)

16/7 (5ª Feira) – 11.00h - Coimbra (Venha Tomar um Café com Mia Couto - Atrium Solum), 18.00h - Vila Real (Museu da Vila Velha); 21.30h - Chaves (Hotel do Forte de São Francisco)

17/7 (6ª Feira), 12.45h - Porto (Livraria Leitura – Bom Sucesso); 18.00h Guimarães (Centro de Artes e Espectáculos S. Mamede); 21.30h - Braga (Livraria CentésimaPágina)

18/7 (Sábado), 15.00h - Viana do Castelo (Biblioteca Municipal); 18.00h - Póvoa de Varzim (Diana Bar); 21.30h - Porto (Fundação da Juventude, Rua das Flores,69)

20/7 (2ª Feira), 18.00h - Sines (Centro de Artes); 21.30h - Grândola (Biblioteca Municipal)

21/7 (3ª Feira), 18.00h - Tomar (Biblioteca Municipal); 21.30h - Abrantes (BibliotecaMunicipal)

22/7 (4ª Feira), 18.00h - Leiria (Livraria Arquivo – Av. Comb. Grande Guerra, 53)

23/7 (5ª Feira), 19.00h - Lisboa (Edifício Leya – Rua Cidade de Córdova, 2 Alfragide)

 

Julho 12, 2009

O Leitor - Bernhard Schlink

 

“O Leitor” é um livro que, apesar de já ter tido a sua primeira edição em Portugal em 1998, me passaria ao lado se não tivesse tido toda a promoção que envolveu o lançamento do filme. É nestas alturas que me questiono quantos livros fantásticos ficam no esquecimento por não serem convenientemente divulgados, ou não terem a “sorte” de serem contemplados com uma produção cinematográfica. Ainda não vi o filme mas espero ver em breve.
Não me vou alongar em considerações sobre o argumento, pois esta história já está largamento divulgada e quem acompanha opiniões e lançamentos de livros está mais do que a par da história de amor entre Michael Berg e Hanna Schmitz. No entanto, transcrevo como habitualmente a sinopse mais abaixo.
Para mim a essência deste livro está na reflexão que obriga em relação ao Holocausto, aos crimes praticados e à legitimidade de quem os praticou; Hanna como ex-guarda de um campo de concentração pode considerar-se uma criminosa e deverá ser condenada pelos seus actos, ou estaria apenas a cumprir ordens? Que alternativas tinha? Com que consciência vive desde então?
Uma história de amor silenciosa, que atravessa anos e nos causa estranheza. Que fala do prazer dos livros e da forma como a sua leitura pode marcar vidas, neste caso adorei as descrições da forma como Hanna ouve as leituras de Michael ao longo dos anos. Sinto uma grande vontade de entrar em mais pormenores que achei fantásticos mas teria que desvendar um dos pontos cruciais do desenvolvimento da história.
Vale muito a pena e lê-se rápido.
Sinopse
“Michael Berg, um adolescente nos anos 60, é iniciado no amor por Hanna Schmitz, uma mulher madura, bela, sensual e autoritária. Ele tem 15 anos, ela 36. Os seus encontros decorrem como um ritual: primeiro banham-se, depois ele lê, ela escuta, e finalmente fazem amor. Este período de felicidade incerta tem um fim abrupto quando Hanna desaparece de repente da vida de Michael.

Michael só a encontrará muitos anos mais tarde, envolvida num processo de acusação a ex-guardas dos campos de concentração nazis. Inicia-se então uma reflexão metódica e dolorosa sobre a legitimidade de uma geração, a braços com a vergonha, julgar a geração anterior, responsável por vários crimes.
 
Perturbadora meditação sobre os destinos da Alemanha, O Leitor, é desde O Perfume, o romance alemão mais aplaudido nacional e internacionalmente. Já traduzido em 39 línguas, a obra está a ser adaptada ao cinema. Para além disso, este romance foi galardoado em 1997 com os prémios Grinzane Cavour, Hans Fallada e Laure Bataillon. Em 1999 venceu o Prémio de Literatura do Die Welt.”
Asa, 2009

 

Julho 12, 2009

De pequenino se escreve com tino

 

O livro Correntes d’Escritas – Contos Infantis Ilustrados reúne seis escolas, seis pequenas histórias e muita imaginação.

 
Correntes d’ Escritas – Contos Infantis Ilustrados é o livro que agrega os trabalhos distinguidos pelo Prémio Conto Infantil Ilustrado Correntes d’ Escritas/Porto Editora, cuja primeira edição teve como cenário a 10ª edição do maior festival literário português, realizado em Fevereiro de 2009 na Póvoa de Varzim.
Dirigido às escolas e aos alunos do 4.º ano do ensino básico, o prémio literário que deu origem ao livro teve como objectivo premiar trabalhos colectivos originais, promovendo, dessa forma, o gosto pela leitura e pela escrita nos mais pequenos.
A EB1/JI de Aires, em Palmela, vencedora do 1º Prémio a concurso, abre o livro com o conto Um Susto e um Presente. O Externato O Paraíso dos Pequeninos, de Lourosa, e o Externato O Patinho Feio, da Amadora, segundo e terceiro classificados, respectivamente, concluíram o pódio e a primeira parte da obra. A EB1/JI de Neves, a EB1 São João de Brito e a EB 1 de Aldeia Nova, graças às menções honrosas que as distinguiram, também oferecem à leitura os seus contos ilustrados. Os alunos da Escola Primária de Eich, no Luxemburgo, viram, igualmente, os seus desenhos reproduzidos nas páginas do Correntes d’ Escritas.
Integralmente concebidas por talentos de palmo e meio e expondo, sem reservas, um imaginário que vai deixando de estar ao nosso alcance, as histórias e as ilustrações deste livro, editado pela Porto Editora, proporcionam aos leitores da mesma idade, e também aos mais crescidos, excelentes momentos de leitura.
Por outro lado, espera-se, de igual forma, que a obra represente uma motivação extra a todas as escolas para que concorram à próxima edição do Prémio Conto Infantil Ilustrado Correntes d' Escritas/Porto Editora.
No dia 6 de Agosto, pelas 21h30, far-se-á, na Feira do Livro da Póvoa de Varzim, o lançamento deste livro e será apresentado o Regulamento para a edição 2010 do Prémio Conto Infantil Ilustrado Correntes d’ Escritas/Porto Editora, já com algumas pequenas alterações.