Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

planetamarcia

planetamarcia

Dezembro 08, 2008

Estarás aí?

Mais um livro de Guillaume Musso, mais uma leitura envolvente. 

Confesso que não me deu a mesma adrenalina dos dois primeiros livros do autor, se calhar trata-se de uma fórmula boa mas que com o tempo cansa...será? 

De qualquer modo não posso dizer que haja uma repetição dos argumentos... isto é...são histórias diferentes que acabam por nos levar a conclusões semelhantes.

 

Penso que dos quatro livros editados entre nós este foi o que menos me convenceu...acho o tema interessante e dei por mim muitas vezes a pensar na possibilidade de voltar atrás no tempo e mudar o rumo da minha história...quem nunca pensou?

Este livro mostra-nos o que pode acontecer se essa possibilidade se torna uma realidade... considero-o um pouco como um ensaio, dado que viajar por diferentes dimensões de tempo é algo que não me convence.

É um livro de possibilidades, de caminhos em aberto, de vidas que podem deixar de existir se dermos o "tal passo atrás no tempo". Faz pensar e meditar. Mesmo os erros que cometemos e desejamos apagar podem ter originado coisas boas nas nossas vidas...desejamos apagá-las também?

 

Essencialmente é um livro dificil de descrever...mas que vale a pena ler...

 

Sinopse
 
"São Francisco. Elliott, médico apaixonado, nunca se recompôs do desaparecimento de Ilena, a mulher que ele amava, morta há 30 anos. Um dia, uma situação extraordinária permite-lhe recuar no tempo e encontrar o jovem que ele era, há 30 anos atrás. Elliott regressa ao instante decisivo em que um gesto seu pode salvar Ilena e modificar o destino implacável que determinara a sua vida desde então."
 
Bertrand, 2007
 

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    marcia

    09.12.08

    Sim...mas eu gostei tanto dos livros deste autor que não deu para esperar muito tempo entre eles...gostei de todos mas de facto talvez não tivesse sido pior ter-lhes dado mais tempo...
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.