Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

planetamarcia

planetamarcia

Maio 30, 2010

Dança com o Diabo - Sherrilyn Kenyon - Opinião

 

“Dança com o Diabo” é o quarto livro da série “Predadores da Noite”. Não se pode dizer que a sua leitura constitua uma surpresa, pois a autora mantém-se na linha dos volumes anteriores, mas o que é facto é que como em “equipa que ganha não se muda”, este livro tem os ingredientes para mais um enorme sucesso.

Desta vez a narrativa gira em torno de Zarek, o menos simpático dos Predadores da Noite. Acostumado a ser odiado por todos, Zarek é um ser revoltado e zangado com a vida. Desta forma, habituado a ser colocado de parte e considerado uma má companhia, nada faz para mudar a imagem que têm dele. As suas atitudes são incompreendidas e ninguém pensa duas vezes antes de o considerar culpado; séculos de isolamento e exclusão fizeram com que tornasse revoltado com tudo e todos.

Numa altura em que a sua vida é entregue nas mãos de Astrid, uma Ninfa que personifica a justiça, Zarek encontra, pela primeira vez alguém que o vê com outros olhos…curiosamente Astrid é cega mas vê o que ninguém ainda havia parado para ver: as razões na origem do mau temperamento de Zarek.

Aos poucos Astrid percorre o caminho para o coração fechado de Zarek e vai descobrindo o ser que se esconde por detrás de tanta dureza; ao mesmo tempo Zarek vai-se deixando cativar pela calma e doçura de Astrid. O amor surge entre dois seres tão diferentes, resta saber como enfrentarão as lutas e as mortes que o destino lhes reserva. Poderá Astrid salvar Zarek?

As habituais passagens amorosas repletas de sensualidade e erotismo são, mais uma vez, um dos pontos fortes deste livro.

Um excelente entretenimento que faz sonhar e sorrir, altamente recomendado para qualquer dia, em qualquer hora. Sem dúvida uma série para continuar a seguir.

Motivos mais do que suficientes para participar no passatempo a decorrer. Três livros em jogo. Detalhes aqui.

Sinopse

“Zarek é o mais perigoso de todos os Predadores da Noite. Exilado no Alasca durante séculos, desprezado pela deusa que o criou e temido pela sua própria espécie, foi condenado à morte por Ártemis na sua última missão. A sua única hipótese de salvação vem do líder dos Predadores da Noite, Acheron, que convoca a justiça da ninfa Astrid; mas, em toda a história do mundo, Astrid nunca considerou ninguém inocente… Dizem que mesmo o homem mais amaldiçoado pode ser perdoado, mas conseguirá Zarek convencer Astrid de que, por trás de uma besta feroz, se esconde um ser humano que deseja amar e ser amado?”

Saída de Emergência, 2010 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.