Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

planetamarcia

planetamarcia

Julho 07, 2008

Juntos ao Luar

Confesso que depois de terminar a leitura de "Justiça Amarga" de Martina Cole não me foi difícil decidir-me por um livro do Nicholas Sparks. Estava mesmo a precisar de uma "lamechice" para me aquecer a alma. Enfim, os prazeres de leitora eclética que me esforço por ser...

 

"Juntos ao Luar" surpreendeu-me. A escrita cativou-me e prendeu-me pela noite fora, a história tem alguma profundidade e é por vezes bastante introspectiva dada a narração ser feira por John, a personagem masculina deste romance.

 

Uma descrição muito bonita de amor e guerra, de obrigações, sonhos, desejos e muitas saudades. Gostei particularmente do desenvolvimento da relação entre John e o pai, de como a distância não significa necessariamente desinteresse quando há  vontade de estar perto. Mostrou de forma hábil como as pessoas são seres emocionais que precisam de ser compreendidas. em algumas passagens soltei uma lagrimita.

 

Adorei o final, que obviamente não vou revelar, calculo que muitos leitores não concordem comigo mas eu sinceramente achei o final lindo.

 

Sinopse

 

"Quando pela primeira vez contemplam juntos a noite de lua cheia, John e Savannah sentem a força inequívoca de um amor nascente invadir-lhes os corações jovens e expectantes. Mas a realidade não tarda a impor-se, precipitando uma vaga de acontecimentos que os coloca perante encruzilhadas de vida brutais. As longas separações e o peso quase insuportável da saudade impelem Savannah a tomar uma decisão difícil que irá mudar os seus destinos para sempre… No entanto, será a John que caberá a mais amarga de todas as decisões, aquela que ditará os seus futuros de uma forma irrevogável. Mas por mais dolorosa que seja, a escolha certa torna-se sempre nítida quando sabemos o que significa amar verdadeiramente alguém… Um romance soberbo, que nos traz Nicholas Sparks no seu melhor."

 

Editora Presença,  2008

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.