Quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

ANTÍGONA - Contos Reunidos, de Aldous Huxley

contosreunidos.jpg

Publicada em 1957, a presente antologia reúne vinte e um contos – entre os quais «O Sorriso de Gioconda», «Pequeno Mexicano» e «Chawdron» – que confirmam o talento de Aldous Huxley para narrativas breves. Estas histórias irónicas e espirituosas, injustamente obscurecidas pelas obras mais famosas do autor, revelam toda a sua verve satírica, abarcando inúmeros cenários, temas e estilos, bem como o carácter multifacetado da escrita de Huxley. A versatilidade do seu intelecto é reafirmada nestes poderosos exercícios de observação e de imaginação que, sem dispensarem a crítica social, dissecam com igual vivacidade as fraquezas e as virtudes do homem.

Aldous Huxley (1894-1963) é um escritor visionário e um dos mais astutos guias nos meandros do futuro da civilização. Romancista, crítico e ensaísta, autor de uma vasta obra, corria-lhe nas veias um profundo interesse pela ciência, que se reflectiria na sua obra mais famosa, Admirável Mundo Novo. Estudou Literatura em Oxford, depois de ter contraído uma grave infecção ocular na adolescência, e foi professor de Eric Arthur Blair (George Orwell), em Eton. Repartiu a sua vida entre a Itália, a França e os EUA, país que o perturbou pela sua mescla de hedonismo e de puritanismo. De satirista social e figura próxima do Grupo de Bloomsbury, nos anos 20, às suas experiências com a mescalina e o LSD, nos anos 40 e 50, e à viragem para o pacifismo e para o misticismo, reinventou-se continuamente e é hoje tido por um dos maiores escritores do século xx.

528 pp 

pvp 19,50€

publicado por marcia às 23:03
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 17 de Novembro de 2010

Novidade ANTÍGONA - CLASSE, de Andrea Cavalletti

 

Classe UMA IDEIA POLÍTICA SOB O SIGNO DE  WALTER BENJAMIN - Andrea Cavalletti

Tradução: António Guerreiro

Novidade: Novembro 2010

168 pp

pvp €15,00

ISBN 978-972-608-215-6
Classe, palavra que tinha desaparecido da cena política e teórica, recupera aqui, pela mão de Andrea Cavalletti, a dignidade conceptual de outrora, revelando-se capaz de iluminar o nosso presente. A fulgurante actualidade de uma nota inédita de Walter Benjamin, escrita em 1936 – onde se pode ler que a solidariedade, ao fazer emergir a autoconsciência, cria a classe –, é um ponto de partida fundamental deste livro, que nos faz perceber como a massa informe e a multidão (dois outros conceitos típicos da modernidade) se transformam em classe, mostrando-nos como a multidão perigosa e excitada reemerge no espaço político.
Andrea Cavalletti é professor de Estética e Literatura Italiana na Universidade IUAV (Arquitectura) de Veneza, e orador convidado para conferências em todo o mundo.
Este autor estará em Portugal, em 19 de Novembro, para proferir uma palestra na Reitoria da Universidade de Lisboa no âmbito da Trienal de Arquitectura.

publicado por marcia às 19:06
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 16 de Novembro de 2010

MARX & KEYNES - Novidade ANTÍGONA

 

Marx & Keynes Os Limites da Economia Mista - Paul Mattick

Tradução:Luís Leitão

Posfácio: Jorge Valadas
Uma crise severa, violenta, devasta a economia mundial: as fábricas fecham, o desemprego dispara, as casas são hipotecadas, os seus habitantes postos na rua, e os bancos deixam de emprestar a quem mais necessita. Fala-se, então, de ultrapassar o mercado, de moralizar a economia liberal, de inventar um futuro humanista alternativo.

O presente livro trata de questões essenciais como a acumulação de capital, a moeda, a automatização, o subdesenvolvimento, o capitalismo de Estado, etc. No confronto entre Keynes e Marx, o autor conclui que muitas das análises do pensador alemão estão ainda ligadas ao futuro, ao nosso futuro.
Paul Mattick é uma referência mundial nas áreas da Economia e Política. É autor de várias obras, das quais se destacam Economic Crisis and Crisis Theory [1974], Economics, Politics and the Age of Inflation [1977], Anti-Bolshevik Communism [1978] e Marxism, Last Refuge of the Bourgeoisie? [edição póstuma].

498 pp

pvp €30,00

ISBN 978-972-608-216-3

Já nas livrarias.

publicado por marcia às 22:57
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 13 de Abril de 2010

Novidade Antígona - «Correios», de Charles Bukowski

 

Correios - Charles Bukowski

Tradução - Rui Lopes

240 pp

pvp €16,00

ISBN 978-972-608-210-1

Correios, o primeiro romance de Bukowski, é baseado na sua experiência como empregado dos Serviços Postais dos Estados Unidos ao longo de uma década, e foi publicado num momento em que o seu nome ascendia ao plano do reconhecimento literário universal.
Ponto de partida ideal para qualquer leitor que se queira iniciar na prolífica obra de Bukowski, encontramos em Correios as qualidades dos seus restantes trabalhos. Repleto de cenas hilariantes, este romance é também um retrato fiel das frustrações de um funcionário público sofredor.
As suas personagens, entre a ficção e a realidade, captam a essência e a universalidade do ser humano e nós, leitores, continuaremos a topar, em Bukowski, com bebedeiras, mulheres, zaragatas, eventuais rebates de consciência, enfim, com os trambolhões da vida.

publicado por marcia às 23:41
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Março de 2010

Novidades Antígona - Março 2010

  

 

LIVROS & CIGARROS - George Orwell

Tradução - Paulo Faria

Novidade - Março 2010

184 pp | pvp €15,00 | ISBN  978-972-608-212-5


George Orwell (1903-1950) — Eric Arthur Blair de seu nome de baptismo —, cuja celebridade se deve principalmente às obras de ficção política A Quinta dos Animais (1945) e Mil Novecentos e Oitenta e Quatro (1949), ambas editadas pela Antígona, foi também um ensaísta tão genial quanto prolífico. O seu estilo simples e coloquial, não raro mordaz, torna a sua prosa sedutora, mesmo para os leitores de hoje, decorrido mais de meio século. Escritor compulsivo, Orwell lançava sobre a actualidade social e política do seu tempo um olhar implacável, tendo sempre como trave-mestra da sua cosmovisão a denúncia do totalitarismo, sob todas as formas.

 A ordem em que são apresentados os ensaios incluídos nesta colectânea é temática, ao invés de cronológica. Aos textos acerca da literatura e do mundo da edição seguem-se outros de cariz social e político, a maioria dos quais tem como pano de fundo o espectro da Segunda Guerra Mundial.

 O último (e mais extenso) ensaio deste volume constitui um caso à parte na obra de Orwell. Em «Ah, Ledos, Ledos Dias» («Such, Such Were the Joys» no título original), ele revisita a sua infância e, em particular, as penosas experiências no colégio preparatório St. Cyprian’s, tecendo críticas ferozes ao sistema de ensino e à mentalidade reinante na sociedade inglesa da época. Dado o cariz profundamente pessoal deste ensaio, Orwell, que o terá concluído em 1947, deixou instruções para que apenas fosse publicado após a sua morte, o que veio a acontecer. E é neste texto comovente que percebemos, enfim, a génese do espírito indómito de Orwell, a sua determinação em resistir à tirania e em manter a dignidade, numa palavra, a certeza de que os fracos têm direito a rebelar-se contra a ordem estabelecida.

 

GEORGE ORWELL Uma Biografia Política - John Newsinger

Tradução - Fernando Gonçalves

Novidade - Março 2010

286 pp | pvp €18,00 | ISBN  978-972-608-213-2

 

Nesta obra, John  Newsinger traça a evolução do pensamento político de Orwell, desde os tempos de polícia colonial na Birmânia, quando despertou para a violenta e cruel realidade do Império Britânico, passando pelos seus dias de penúria em Paris e em Londres, até à sua morte.
Marcado pelas experiências na Guerra Civil de Espanha, em que viu a utopia feita revolução traída pelos comunistas ao serviço de Estaline, Orwell viria a tornar-se socialista revolucionário, opondo-se ferozmente ao estalinismo. Esta posição, que manteve até ao fim, valeu-lhe o exílio por parte da esquerda e da direita que, ironicamente, se aproveitaram, e ainda aproveitam, da sua obra literária.
Episódios controversos, como a famigerada «denúncia» de nomes associados à ideologia comunista, ou a sua aversão às atitudes pacifistas de Ghandi, são aqui vistos a uma nova luz e analisados no seu contexto. Num retrato distanciado e bem documentado, Newsinger desvenda-nos um Orwell menos conhecido do leitor comum, mas fundamental para a compreensão das suas concepções políticas – o Orwell combatente, jornalista e ensaísta – e das realidades que viveu. 

Autor de diversas obras e artigos, John Newsinger é professor de História na Bath Spa University, em Inglaterra.

 

publicado por marcia às 21:19
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

Novidade Antígona - Pulllllll, Poesia Contemporânea do Canadá

 

Pullllllllllllllllllllllllll, Poesia Contemporânea do Canadá pretende ser uma amostra da poesia canadiana de língua inglesa contemporânea, com incidência nas últimas três décadas. Nascidos entre 1925 e 1966, os treze autores seleccionados são muito diferentes entre si, abrangendo cerca de três gerações – Robin Blaser, Christian Bök, Dionne Brand, Dennis Cooley, Jeff Derksen, Robert Kroetsch, Karen Mac Cormack, Steve McCaffery, Roy Miki, Erín Moure, bpNichol, Lisa Robertson e Fred Wah. Apesar das diferenças, parece ser possível encontrar alguns pontos de contacto nas suas poéticas individuais. Esses pontos de contacto foram provavelmente o que conduziu a esta selecção. Em todos os autores escolhidos é possível reconhecer uma prática experimental de radical interpelação da linguagem e de abandono de estratégias de significação fossilizadas.
Trata-se, por isso, de um projecto único, em Portugal, tanto enquanto antologia, como de tradução, de «uma poética que puxaaaaaaaaaaaaaa a linguagem até ao limite».
À venda nas livrarias a partir de 10 de Fevereiro
 
Tradução, prefácio e notas
John Havelda, Isabel Patim e Manuel Portela
296 pp | pvp €18,50 | ISBN 978-972-608-211-8

 

publicado por marcia às 00:11
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.a ler


.a ler também


.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ANTÍGONA - Contos Reunido...

. Novidade ANTÍGONA - CLASS...

. MARX & KEYNES - Novidade ...

. Novidade Antígona - «Corr...

. Novidades Antígona - Març...

. Novidade Antígona - Pulll...

.últ. comentários

Olá! Já ouvi, sim, obrigada. Fiz um post. Boas lei...
Pois tem! Mas só ás vezes...
é isso!
Olá Márcia,por acaso já ouviu o A páginas tantas.....
Olá Márcia,Cumpriu o seu objectivo, que é mais imp...
Como te entendo. Também preciso de parar de vez em...
Nunca vai terminar, Isaura!
Ui..promete.assim a lista de livros não vai termin...
Eu percebo, Paula, e este livro é muito forte. Mes...
Estou dividida em relação a este livro. Este tipo ...

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

.gosto

blogs SAPO

.subscrever feeds