Quinta-feira, 3 de Novembro de 2016

Desde a Sombra - Juan José Millás - Opinião

desdeasombra.jpg

Desde a Sombra, de Juan José Millás, foi a leitura deste mês da Comunidade de Leitores em que participo. Um livro que se lê numa penada, com interesse constante. A escrita fluída e descomplicada proporciona uma leitura rápida, nada cansativa, e bastante prazerosa. Mas, e porque há sempre um mas, Desde a Sombra não é tão simples ou linear como parece. E ainda bem.

Damián esconde-se dentro de um armário numa feira de antiguidades (os motivos da necessidade de esconderijo deixo para descobrirem quando lerem o livro) e, não conseguindo sair sem ser visto, deixa-se ficar no armário até ser transportado para a casa de Lucia. Parece de loucos, não? E é. Mas a verdade é que a escrita de Millás faz desta premissa uma situação perfeitamente credível. Há um homem dentro de um armário no quarto de casal, onde decide ficar a viver passando despercebido. Ou talvez não, pois quando a família sai para o trabalho e para a escola, Damián sai do seu aconchego (espaço que tornou confortável e onde se sente bem) e arruma a casa. Lucia é a única que se apercebe que são feitas limpezas, tanto o marido como a filha assumem que o trabalho é feito por ela, como habitualmente. Lucia acredita que tem em casa um fantasma que trata da manutenção do lar, e chega a estabelecer contacto com ele através de canais muito especiais (mais uma para descobrirem lendo o livro).

Para ajudar à festa há um programa de televisão em directo, uma espécie de reality show onde Damián vai exorcizando alguns demónios (picos de audiência, claro) e mantendo o público a par da sua aventura no armário.

Eu sei que parece muito confuso e bastante louco, mas só um livro fabuloso conseguiria que todos estes detalhes esquizofrénicos que descrevo fizessem (muito) sentido. A escrita de Millás é descomplicada como referi no início, mas apenas aparentemente, pois apesar de se ler muito bem e de ser bastante acessível, assenta numa estrutura habilmente construída que permite ao leitor passear (literalmente) pelos pensamentos cruzados de Damián. E acreditem que são muitos pensamentos, muitas ideias, muita coisa a acontecer ao mesmo tempo naquela cabeça.

Passando do hilariante ao soturno de forma vertiginosa, Millás obriga à reflexão sobre temas como a solidão, traição, mentira, traumas de infância, anorexia e futilidade, com um sorriso nos lábios.

Foi uma extraordinária leitura, que recomendo sem reservas, e que proporcionou uma das melhores discussões da comunidade. Curiosamente estivemos todos de acordo (coisa rara), Desde a Sombra é genial!

Fica a enorme vontade de descobrir outros títulos do autor.

Sinopse

“Um romance no mais puro estilo Millás: surpreendente, inquietante, original, brilhante: Um protagonista, um homem comum «empurrado» para uma situação extraordinária; um argumento fora do normal com um desfecho imprevisto e inquietante; uma combinação magistral de humor, suspense, com diálogos que têm um olhar lúcido sobre a realidade dos nossos dias.
O romance é uma análise crua das fobias e receios dos nossos dias, focando o medo de falhar como pessoa.”

Planeta, 2016

Tradução de Mário Dias Correia

publicado por marcia às 23:57
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Ana Lopes a 4 de Novembro de 2016 às 19:35
Bom... mais um para lista dos para ler!
Aguçaste-me o apetite! Só li um livro de Millás há bastante tempo e este romance parece-me a desculpa ideal para regressar ao seu mundo!
Beijinhos e leituras com muito sabor!
De marcia a 5 de Novembro de 2016 às 12:54
Eu gostei muito e quero descobrir mais livros de Millás!
De Isaura Pereira a 5 de Novembro de 2016 às 19:04
Nunca li nada, mas convenceste-me :)
De marcia a 5 de Novembro de 2016 às 22:43

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.a ler


.a ler também


.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Todos os Fogos o Fogo - J...

. O Motorista de Autocarro ...

. Lançamento do livro "Os D...

. O Homem Domesticado - Nun...

. Eu Confesso - Jaume Cabré...

. Leitura Conjunta - A Músi...

. Porto Editora - A Arte de...

. A Última Rodada - Rui Mig...

. Granta Portugal 9 - Comer...

. A Oeste Nada de Novo - Er...

.últ. comentários

Verdad!
Pois eu acho que fiquei cliente!
Sim, definitivamente.
Uiiiiiii... Literatura misturada com genialidade? ...
Li este livro há vários anos (outra edição, claro ...
Ainda estou no tempo andes de ler Cortazar... entã...
Sim, também eu, a tudo o que escreveste, Paula. Ex...
Tantas palavras que gosto de associar aos contos: ...
Um livro que torna certas as alturas erradas...
É merecedor de atenção, Isaura.

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

.gosto

blogs SAPO

.subscrever feeds